ESTÓRIAS...

ESTÓRIAS...

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

"O APRENDIZADO" Conclusão - parte 3

-Senti medo, claro que sim. O meu sonho foi bom, mas assustador. O mar é um encanto, mas ao mesmo tempo assustador. Voz grave ou doce, não importa. Importa que haja voz. Eu queria continuar sonhando, mas acordei.

-É sempre assim; no melhor do sonho a gente acorda. Toma um susto e acorda. Eu não tenho medo do mar, aliás, eu não tenho medo de nada, tenho respeito. Medo só atrapalha. Eu queria sonhar com alguém que viesse na minha direção, me pegasse pela mão e que não ficasse com medo de mim. É, o pior é saber que as pessoas têm medo da gente. Isso sim é terrível.

-Eu só quero continuar vivendo e sendo feliz com o que tenho. Já não espero nada de ninguém. Sigo em frente e só.

-Talvez você esteja certo, melhor não criar expectativas. O melhor é seguir. Viver é reagir, é lutar para sobreviver.

lita duarte

Texto dedicado a Dra Rosana O. Freitas.